Reaberto em 2015, com a mesma Gerência

sábado, 20 de outubro de 2007

The Lake Resort

Sim, o hotel do mês fica no Algarve. E antes que alguém comece a achar que tenho algum tipo de fixação pelas terras mais a sul do País, convêm esclarecer que só em 2004 rumei para lá, em busca de sol e um pouco de paz. Numa dessas estadias, em Vilamoura, deparei com a construção, junto da praia que frequentava - Praia da Falésia - de [mais] um empreendimento hoteleiro. O aspecto inicial não enganava: estava ali a nascer um pequeno oásis de bom gosto e comodidade. Não me equivoquei, como podem constatar facilmente...

Em pleno coração de Vilamoura, ao lado da Marina e de frente para a praia da Falésia, existe um lago. Aqui os corpos ancoram, a imaginação parte à descoberta e os sentidos viajam pelos cinco continentes!


Num formato pouco comum em território nacional, o The Lake Resort integra um hotel de cinco estrelas com 192 quartos, 95 apartamentos de luxo, três piscinas exteriores, um spa, três bares, três restaurantes, sala de chá, biblioteca, boutique e espaços para conferências e exposições. Números impressionantes, sem dúvida, mas não é na frieza dos algarismos que o mais recente empreendimento turístico do Grupo Amorim mostra todos os seus encantos. É quando se observa e sente a magnitude do cenário no qual se está envolto que este verdadeiro oásis no Algarve se transforma e mostra a sua verdadeira essência.

Fica mesmo em frente à Praia da Falésia; ao lado da marina e dos seus iates; a dois passos do casino e dos campos de golfe; e a um salto das habituais festas da noite algarvia e das enchentes de Verão. E ainda assim consegue levar-nos numa viagem diferente, locomovida pela história e pelas estórias, polvilhada de sabores e paladares, e salpicada de imagens e aromas que delas emanam. De outros continentes, de outros povos. Mantendo-nos em contacto com as coisas mais básicas e, porventura, mais transcendentes da vida: o azul do mar e do céu, e o verde da natureza.

O primeiro truque ou passo de magia, digamos assim, é a envolvente que rodeia o hotel. Estamos dentro de Vilamoura e, simultaneamente, num lugar desconhecido. A paisagem é dominada por um lago de águas calmas, rodeado por relva, palmeiras, bambu e laranjeiras. Um lago no qual não se pode mergulhar, mas que tem nas margens caiaques para aqueles que quiserem contemplar o cenário e absorver a tranquilidade. Para o refrescante banho, existem três piscinas. Uma é aquecida, ideal para banhos ao fim da tarde, e outra tem o fundo em areia – única em Portugal – e faz a forma de uma baía natural, numa criação do homem que em nada fica a dever à Mãe Natureza. Tudo isto entre dezenas de espreguiçadeiras, cadeiras e mesas, e com o Blue Lagoon, um bar em madeira ao melhor estilo das Caraíbas, pronto a saciar a sede e acalmar os corpos com sumos naturais e bebidas para todos os credos.

Quartos com vista

Na hora de optar definitivamente pelo conforto do quarto, o The Lake Resort coloca à disposição dos hóspedes o mesmo nível de qualidade, requinte e cuidado com os pormenores. Todos têm varandas privativas e uma pequena mesa, onde pode tomar um pequeno-almoço mais intimista, ou confidenciar ao silêncio da noite os últimos pensamentos do dia, desfrutando da vista para a marina, os jardins, ou o lago. Nos quartos impera a madeira em tons claros, e nas suites os tons escuros e avermelhados, numa conjugação de bom gosto e bem-estar que contrasta suavemente e sem choque com a paisagem de verde e azul que reina lá fora.


No dia seguinte, enquanto as crianças se divertem no Koala Club, não há quem resista a manter o corpo em forma. Além do ginásio e do parque desportivo, que se pode transformar em campo de futebol, ténis ou basquetebol, espera-nos o Spa Blue & Green. É aqui que a filosofia desta “volta ao mundo” tem o seu expoente. Dividido em duas zonas – a azul (para banhos, duches e jactos...) e a verde (massagens e terapias que utilizam técnicas várias, do shiatsu ao reiki) –, este espaço coloca à disposição dos hóspedes uma ampla diversidade de tratamentos, com cabines que adoptaram o nome dos cinco continentes e massagens que lhe trazem os aromas, os toques e as essências originais (e originárias) de diversos locais do planeta. Na hora de partir, pode sempre passar pela boutique e comprar um pote de mel da região, chás, roupas marroquinas e uma peça de tapeçaria local. Ou então esqueça, como nós, o lado material, e leve consigo a singela recordação de um lago. Um lago num Algarve diferente, com vista para o resto do mundo.

The Lake Resort

Contactos:
Praia da Falésia, Vilamoura, tel. 289 320 700, fax 289 320 701, e-mail reservas@thelakeresort.com, http://www.thelakeresort.com/

Preços:
A partir de €145, até €399, com vista para a terra, jardim, mar ou vista panorâmica. As suites estão disponíveis a partir de €315, até €599. Qualquer das opções inclui pequeno-almoço.

9 comentários:

miguel tomás disse...

Os preços são por mês, não são?:)
Exorbitantes, mas calculo que adequados à classe social a que se dirigem. A mim resta-me apenas sonhar.

edna dias disse...

Belo local esse. Tem um aspecto paradisiaco, bem condizente com os preços, né?

maria rosário disse...

Olá meus caros,
Depois de uns dias de ausência, vejo que vocês não param de nos surpreender com belos artigos.
Ai a praia da Falésia. É uma das minhas predilectas, pelo extenso areal, pela limpeza, pelo bar de apoio que tem umas refeições de peixe espantosas. Também eu já tinha reparado anteriormente no hotel que se encontrava a ser construido e que deu lugar agora ao Lake Resort. É um lugar, visto de fora, espantoso a todos os níveis. Pena que mais uma vez os preços sejam proibitivos à bolsa da maioria, mas isso não impede de sonhar, pois não?

gregoria correia disse...

É lá que vai ser realizada a festa do 1º aniversário do blog?:)
Se não é, deveria!

Mais um excelente artigo e uma óptima sugestão para o arquivo.

ps: sinto falta das tuas fotos.

Beijos

jussarita leite disse...

� O K EU TOU PRECISANDO:)
DUM OASIS ASSIM!

VALEU PELA INFORMA��O

sandra miguel gomes disse...

Dá vontade de ir, sobretudo agora que vi uma reportagem no telejornal passada no Algarve e onde estavam 27 graus!!!
Eram umas ricas férias. Como não tenho pai rico, só me resta ir ao Totta:)

maria manuela disse...

Por acaso está inserido na zona que eu mais adoro do Algarve, apesar da massificação turistica e de Vilamoura ser associado a uma espécie de elite algarvia, mas adoro aquela zona, praia da falésia incluida. O hotel deve ser um paraíso mesmo. Basta passar pela porta para apreciar o estilo, mas unidades hoteleiras topo de gama está aquela região bem servida.

Boa semana

mauricio longhini disse...

Valeu cara! Qd for a Portugal é ai k eu fico:)

Noneedtoknow disse...

DE QUEM TRABALHOU lÁ PF VÃO SÓ EM SETEMBRO!!!! COM AGOSTO VEM A LOUCURA E CONSEQUENTEMENTE A FALTA DE QUALIDADE. CUIDADO!